Quer receber as publicações do Uhull S.A. diretamente no Facebook?
Curta a nossa fanpage e seja notificado de tudo que sai aqui no Blog.

Eu não sou motociclista, mas confesso que gostaria de ter uma moto custom e sair viajando por aí. Porém, eu tenho uma certa paranóia com acidentes com motos.

Sei que muitas vezes, se dirigir com precaução, a moto pode ser segura. Mas não posso manter a confiança apenas em mim.

Em um comercial feito pela Spokes, a empresa tenta mostrar justamente isso, o quanto um motociclista precisa estar atento com suas atitudes e com possíveis falhas de outras pessoas.

Vai ter motociclista suando frio com as imagens. Assista:

É preciso ter atenção em dobro com motos, principalmente quando se está em uma rodovia. O negócio é ir devagar e sempre atento.

COMPARTILHAR
  • Ricardo Silveira

    Mão inglesa.

  • Deivid

    Se tu não tiver andando igual um maloqueiro, os acidentes são causados na maioria das vezes por outros desatentos. Na moto é muito difícil tu ficar desatento, por que você não tem rádio, conversa, celular e outras distrações que o carro promove.
    Eu já cai de moto 4 vezes, 3 eu tomei fechadas de carro (tipo o trator do vídeo) quando estava andando completamente normal e 1 eu escorreguei em detritos na pista (igual mostra no vídeo). Então realmente existe um perigo que você não tem controle na moto.
    No carro você não pode evitar esse perigo também, mas você está dentro de uma armadura de aço e não voando no asfalto.

    • Andre Correa

      Eu como motorista de carro me dou muito melhor com motoqueiros do que com outros motoristas de carros. Muito raramente tenho problemas com motoqueiros, motoqueiros sabem dirigir e prestam mais atenção mesmo, o que você disse é fato. Mas sempre tem aqueles doidos que andam a 80 no corredor.