NUNCA quero estar por perto de uma fornalha de fusão de aço. Veja isso!

15
2

Eu assisti várias vezes esse vídeo pra tentar entender o que aconteceu nesse vídeo, mas parece que é um procedimento comum de fusão de uma sucata em uma fábrica de aço.

Apenas veja a tranquilidade do peão ali, enquanto a peça é colocada em uma fornalha.

  • Felipe Cícero

    Grande parte do brilho visto na filmagem é infravermelho, ou seja, não pode ser visto a olho nu, câmeras digitais capitam esse infravermelho, que é esse tom lilás que as chamas tem, lógico que pra liberar essa quantidade de IV muito calor tá sendo liberado também…

  • Thomaz Sawamur

    Comum? A parada explodiu, caiu até a força do lugar! O.o … Comum, só se for em zona de guerra!…rs

  • Marcos Otavio

    Isso é descarregamento de material no forno de fundição, o que pode ter ocorrido é ter entrado água junto. Nesses casos um copo de água até menos pode causar esse explosão no forno. É o mais provável. Se analisar o titulo do vídeo a tradução pelo Google, é “siderurgia carga molhada” foi água que entrou no forno.

    • Vitor Galvão

      Eu acho q deve ser por causa a expansão da água com alguma coisa a mais…

    • A agua entra em ebulição a 100ºc … esse material esta a bem mais que 1600 2000ºc … a essa temperatura a molecula de agua (H2O) se quebra liberando Hidrogênio … que entra em combustão.

    • Gleydson Pio

      Trabalho na área siderúrgica e o ocorrido é uma “reação”, termo adotado no ramo e ocorre com “certa” frequencia, infelizmente. Traduzindo, devido à algum vazamento em tubulação, placa ou dispositivo de refrigeração do sistema de redução/conversão ou ainda, sucata, metal de adição, fundente/liga de adição com umidade/água, gera excesso de água dentro do forno/panela que entra rapidamente em evaporação/decomposição provocando uma chama azulada por entre os eletrodos e despoeiramento. Este talvez seja o único sinal deste acidente.
      Na seqüência o excesso de água sobrenada a escória. Ao movimentar o forno/carga líquida a escória provoca ondas que aprisionam a água causando explosões de grandes proporções motivada pela decomposição/composição de água em hidrogênio/oxigênio. O acidente registrado no vídeo é uma fatalidade que às vezes ocorre por falha/negligência humana, uma vez que cada vez mais, as empresas siderúrgicas/metalúrgicas tem adotado meios de prevenção dos motivos acima citados, mantendo insumos em locais aquecidos ou em locais que permitam tamponamento, se sucata enclausurada, que essa seja perfurada, enfim, meios que minimizem o máximo possível para evitar acidentes semelhantes à esse.

      • Realmente interessante que eles queiram evitar cada vez mais uma situação dessas. Pelo que vi no video, ñ deve sobrar muito de alguem que esteja por ali perto em uma acidente destes, quase n sobra nada do local.

      • Impressionante! o.0

  • Jonas Neto

    água. Eu ACHO que não é normal isso não, kkkk.

  • Gabriel Julia Jardim
  • Essa “bomba d’água” eu não conhecia…

  • Tawan Pimentel

    Mau pai é escultor, talvez o único do mundo que faz esculturas em aço inoxidável fundido. Realmente é doido ficar perto do processo, o aço está a 1.800 graus celsius.
    Tem um vídeo mostrando como se faz: http://vimeo.com/29547638

  • Robson Mattos

    eita como eu ja vi isso acontecer na Usiminas aqui de Cubatão!

  • Michael Martins

    “mas parece que é um procedimento comum de fusão de uma sucata em uma fábrica de aço.”

    – claro,muito comum, ferro derretido voando e o teto caindo awoeahwiehaoiwhe