Quer receber as publicações do Uhull S.A. diretamente no Facebook?
Curta a nossa fanpage e seja notificado de tudo que sai aqui no Blog.

Durante uma competição de Jiu-Jitsu, um dos lutadores começou a reclamar com o juiz que seu oponente estava peidando sem parar em seu rosto.

Sem resistir ao cheiro, o homem acabou passando mal no tatame. Assista ao vídeo:

FARTALITY

Esse “golpe” é mais forte que um soco na ponta do queixo do sujeito. Pode bater, mas peidar é sacanagem.

COMPARTILHAR