Durante o aberto de tênis da Austrália, o jogador Jo-Wilfried viu que uma bolinha acabou atingindo em cheio o rosto de uma gandula e, como um bom samaritano, interrompeu a partida para oferecer ajuda a garota, que estava chorando.

Curta o Uhull: